Vale

Vale gargalhar até a barriga doer. Vale chorar até os olhos mudarem de cor. Vale cantar mesmo que desafinado. Vale dançar sozinha no meio da sala de casa. Vale escrever mesmo escrevendo muito mal. Vale usar o frasco de shampoo como microfone imaginário quando está no banho. Vale dormir até tarde. Vale passar os domingos sentada no Starbucks lendo um livro qualquer. Vale caminhar pelo centro de São Paulo em busca de novos achadinhos. Vale ir ao cinema mesmo que sozinha. Vale ligar para sua mãe para perguntar com que se limpa o taco do seu apartamento. Vale ler todos os emails em PPT que seu pai te envia. Vale criar um playlist novo por dia no Ipod.Vale querer que o tempo voltasse para você dizer algo que queria ter dito.Vale não se arrepender do passado.Vale ter medo de barata.Vale querer fazer logo sua tattoo.Vale ter como sonho de consumo um New Bettle amarelo.Vale se irritar toda vez que tem que ir ao supermercado.Vale ser conhecida por todos os atendentes da sua padaria preferida.Vale querer roubar o filho dos outros.Vale assistir sessão da tarde.Vale rever seus seriados melodramáticos preferidos.Vale querer voltar a tocar piano clássico.Vale querer aprender a tocar violão.Vale ler seus livros mais queridos mil vezes.Vale tomar sorvete mesmo que no frio.Vale ser viciada em café.Vale rascunhar mil projetos literários.Vale ter roteiros de cinema inacabados.Vale manter segredos.Vale guardar seus melhores beijos e abraços para alguém que realmente merece.Vale começar de novo e de novo.Vale encher seu sobrinho de beijos. Vale ter saudades de quando se era criança. Vale ter amigos de verdade. Vale ser feliz. Vale ter seus dias tristes. Vale tomar chuva. Vale andar descalça na grama. Vale deitar para ver o céu estrelado a noite. Vale caminhar ouvindo o barulho das ondas quebrando na areia. Vale acreditar no impossível. Vale sair de madrugada para comprar Coca-Cola zero e chocolate. Vale ver o sorriso de um mendigo quando se oferece um pedaço de pão. Vale querer muito e demais ajudar quem precisa. Vale amar seu trabalho. Vale querer viajar o mundo com uma mochila nas costas. Vale não desistir de encontrar alguém que faça acreditar que o amor existe. Vale parar para escrever o que vale a pena quando se ama viver.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s